domingo, 21 de março de 2010

ESBOÇO DA SERPENTE



"O problema do nosso tempo é que o futuro não é o que costumava ser"
[...]
"O nosso espírito é feito de desordem, acrescido de um desejo de ordenar as coisas"
[...]
"O homem é absurdo por aquilo que busca, grande por aquilo que encontra"
[...]
"É cômodo cortar ou coroar uma cabeça, mas, pensando bem, torna-se ridículo. Isso é acreditarmos que essa cabeça encerra em si uma causa primeira"
Paul Valéry (1871-1945)

Nenhum comentário:

Postar um comentário